Audiência Pública

Com cheia dos rios, pandemia, dengue e crise migratória, Governo do Acre decreta emergência

Audiência Pública

Com cheia dos rios, pandemia, dengue e crise migratória, Governo do Acre decreta emergência

Gabinete de crise foi instalado para monitorar e gerenciar situação de emergência na capital, Rio Branco, e nas outras cidades do Estado.

Nome do Artista - AUDIENCIAPUBLICAAC 190221.mp3

O governador do Acre, Gladson Camelí, decretou situação de emergência no Estado na última terça-feira (16), devido as cheias dos principais rios que atingem os municípios acreanos - incluindo a capital, Rio Branco -, devido a falta de leitos de UTI para pacientes graves da covid-19, o surto de dengue e a crise migratória na fronteira entre o Acre e o Peru.

Além disso, o governo instalou um gabinete de crise para gerenciar a situação, composto por representantes de, pelo menos, nove órgãos governamentais que devem se reunir a cada sete dias para avaliar a situação.

Para debater o assunto, Murilo Lima recebe no Audiência Pública - Rio Branco, desta sexta-feira (19), a diretora executiva da Secretaria de Meio Ambiente do Acre (Sema), Vera Reis Brown, e o comandante do Corpo de Bombeiros Militar do Acre (CBMAC), coronel Carlos Batista da Costa.

Você pode acompanhar e participar do programa pelo WhatsApp (68) 99229-5123, pelo e-mail redacao.rbo@cbnamazonia.com.br ou pelas redes sociais.

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://cbnamazonia.com/