Operação Capone investiga esbanjadores de poder financeiro no Acre

06.12.2017 16:40 - Atualizado em 06.12.2017 16:41

Alamara Barros

Os investigados na 'Operação Capone', deflagrada pela Polícia Federal no Acre (PF-AC) esbanjavam grande poder financeiro em diversos gastos, como festas. Até o final da manhã desta terça-feira (5), 12 pessoas haviam sido presas preventivamente, duas conduzidas coercitivamente e algumas armas foram apreendidas na ação.