Número de medidas protetivas no Amazonas passa de 300 em 18 dias

12.01.2018 09:18 - Atualizado em 12.01.2018 09:23

Redação

O Amazonas é o nono Estado em assassinato de mulheres no Brasil. Uma em cada três mulheres afirma sofrer com violência doméstica. Apenas entre 20 de dezembro de 2017 e 7 de janeiro deste ano, 349 medidas protetivas à mulheres foram registradas no Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM). A entrevista é com a juíza titular do 1º Juizado Especializado no Combate à Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher, Ana Lorena Teixeira Gazzineo.